Criando um website profissional

Muitas pessoas acreditam que criar um website é uma tarefa fácil e você pode incluir-se entre essas pessoas. A publicidade que incentiva esse tipo de crença, na forma “tenha seu site pronto em minutos”, é abundante. E, em certo sentido, esse posicionamento é verdadeiro. Diversas tecnologias agilizam e tornam rápida a implementação de um website a partir de um modelo (“template”) pré-definido a requer tão somente a inserção de conteúdos.

Criando um Website Profissional Parte 2: ¨Política de Privacidade”, quem é essa personagem?

A Política de Privacidade de um website define as regras que a empresa adota para manter a segurança das informações de seus clientes e visitantes.

Algumas dessas regras podem refletir conteúdos legais e outras podem estar baseadas com códigos de condutas (“boas práticas”) que induzam confiança no visitante em relação ao website.

Um exemplo de “boas práticas” é a utilização de linguagem clara e simples nos conteúdos disponibilizados no website de modo a não causarem dúvidas ou mal-entendidos no visitante.

Criando um Website Profissional Parte 3: A Proteção de Dados Pessoais no Brasil e no Exterior

A proteção de dados pessoais está intimamente relacionada à Política de Privacidade adotada por uma empresa e que, ao operar na web, é detalhada aos seus consumidores, como exposto em artigo anterior (clique aqui para acessá-lo), mas possui uma abrangência mais ampla, pois é regulamentada por normas legais.

Criando um Website Profissional Parte 4: Solução de Conflitos via Judiciário

O consumidor pode ingressar com ação contra vendedor na web em seu local de domicílio, como estabelecido no inciso I do artigo 101 do Código de Defesa do Consumidor: “a ação pode ser proposta no domicílio do autor”. Assim, a eleição do foro para solução de conflitos é direito do consumidor e o vendedor deverá apresentar sua defesa no fórum de propositura da ação, sob pena de revelia (concordar fictamente com os argumentos do autor e ter de suportar uma condenação).

A riqueza na economia virtual

Em 2008 li The Wealth of Networks, de Yochai Benkler. O livro é clara alusão à The Wealth of Nations, publicada por Adam Smith em 1776, e que revolucionou o pensamento e procedimento econômicos.
Yonchai faz uma belíssima defesa de como o engajamento social pode influenciar a liberdade pessoal pela atuação nos mercados econômicos ao transformar o empregado em empreendedor (enfatizo: empreendedor e não necessariamente empregador). Traduzindo: a internet é disponibilizadora e potencializadora de oportunidades para a livre iniciativa.

Conhecer & Saber

É comum a afirmação "adquirir conhecimento é uma necessidade" ou então sugestões do tipo "10 maneiras de aquirir mais conhecimentos". Na maioria das afirmações e sugestões, o conhecimento é classificado como algo exterior à pessoa e que pode ser apropriado. Podem até ser verdadeiros tais argumentos pois, como exemplo, o conhecimento está contido tanto em livros quanto em conteúdos na web de fáceis acessos. Entretanto, existem pessoas com altíssimo grau de conhecimentos e com o saber em baixíssimo grau.

Como me vejo, como você me vê e como quero ser visto, ou ... A construção da liderança

No contexto da carreira profissional, existem três percepções distintas sobre uma pessoa: a maneira como ela percebe a si mesma, a maneira como os outros a percebem e a maneira como deseja ser percebida.

Liderança, comando e escolha intelectual

Em uma canção conhecida no cenário internacional e denominada "Nevermind", o autor Leonardo Cohen canta: "Our law of peace / Which understands / A husband leads / A wife commands". Seu sentido em português é "Nossas normas sociais / entendem / Um marido lidera / Uma esposa comanda". Talvez reflexivamente você tenha discordado do posicionamento com o seguinte questionando "Por que o homem lidera? Por que não a mulher?" e julgado o autor tendencioso. Independente de questões culturais, o interesse aqui é nas características dos arquétipos, quais sejam a liderança e o comando com previsibilidade nos resultados. Essas características adquirem sentido e riqueza extraordinárias no mundo contemporâneo, como discutiremos a seguir.

Entre o encantamento e a indignação está a racionalidade

Em um livro motivacional sobre liderança lançando em 2009 (Liderança em foco, Mário Sérgio Cortella e Eugenio Mussak), os consagrados autores, ao abordarem as razões das crises de aprendizado dos estudantes brasileiros, defendem, em determinada altura do livro, o "encantamento" que necessariamente deve integrar a efetividade do aprendizado. É exposta a visão que a matemática é "invenção pura", ou "poesia pura". Sem "existência real", é tarefa do educador despertar esse "encantamento" no aluno de modo a facilitar o aprendizado.

Escala do comportamento autônomo ou ... O papel da inteligência em sua vida

2015 está sendo um ano de crise que, prevê-se, se prolongará por 2016. Entretanto, desconfiamos que estamos em crise há muito tempo ou, pelo menos, em estado de crise em potencial. Mas, o quê significa "crise em potencial"?

Pages

Subscribe to Metodologia - Business Intelligence through Cognition Growth RSS